Sangue

Entra na porta e sente o obscuro anonimato
Compreende o presente e actua no momento exacto
Nao ambiciono o trono, nao kero nem tenho dono
Eu sei k tou a dormir mas nao consigo sair do sono

Identidade oculta, mentalidade adulta
Nao quero a consulta, comigo nao resulta.
Tens um segredo importante entao diz mo
Kero a soluзao pa nao cair no abismo

O mundo ta a ver tudo fika de olho atento
O fundamento й falado num argumento
O que й que й especial, o que й que й normal
Falam demais e a espectativa ja nao equivale

Maturidade gradual desde o inicio
Fixa te no real manda fora o artificio
O уdio й a praga humana, o amor ta extinto
E eu tou perdido neste labirinto... й o k eu sinto...

Tenho muitas cartas mas nao tenho nenhum trunfo
Existem muitos contras para ter o tal triunfo
Vejo o tempo a passar e uma pessoa a sujeitar se
Tens de ser tu proprio nunca vivas num disfarce

E o regresso й feito num discurso visionario
Todo o socesso й temporario
Toda a gente tem talento, qual й a arte que dominas
Inova e constroi nunca a metas em ruinas

Frontalidade й importante caga na ameaзa
Mas conta com aquilo que te ultrapassa
Palavra passa, бs vezes toca бs vezes nao fala
Quando ela й de graзa й que й tipo uma bala

Que atravessa a mente como se fosse uma seta
Palavra infecta quando alcanзa a sua meta
Nao brinques com isto, porque isto й coisa seria
Antes de falares primeiro estuda a materia.

Julgamentos improvisados sem sequer ter veredictos
Socos e gritos ninguem vai parar os conflitos
й tipo um desfile, quem й k й imbecil?
Quem й k representa a delinquencia juvenil

O sangue que se derrama ja galaste o panorama
Uns fazem pelo respeito outros pela fama
Tu keres um drama? Entao aluga um movie
E sabes k esta merda nunca foi nem й novidade

E tu fika б vontade
Nao keiras ver a vida atras de uma grade
Toda a tribo tem um xibo e tens de contar com isso
Porque й k o juiz й metediзo?

Pensa no k vem, a sensaзao futura
Foca te no tempo e cria uma estrutura
Sentimento entregado nunca sao a vulso
E por favor respeita o sangue k tu tens no pulso

Ouve la у samuel.!! Tu metes me em cada alhada...
Vamos la a ver como й k eu consigo fugir desta enrrascada 
Eu ja tive a tua idade, e tu pra'ki virбs
Na altura nao havia tanta vaidade... Porta te bem meu rapaz

Nao gostas de me ouvir?
Nao fikes com essa cara bonita
Pk pra mim seria mais eskisita 
Se estivesses a sorrir

Mas isto й uma brincadeira, vamos la ver pra onde vai
Seja de qualquer maneira, sou teu avф nao sou teu pai
Adeus ate б proxima
Correct  |  Mail  |  Print  |  Vote

Sangue Lyrics

Sam The Kid – Sangue Lyrics